Da trajetória de crescimento vertiginoso a uma grande evasão de profissionais, seguidos de tempos turbulentos de demissões em massa e reduções de escopo nos negócios, os últimos dois anos e meio foram tempos instáveis na indústria do design.

E tanto o mundo quanto a indústria e a equipe Echos evoluíram neste meio tempo. Trabalhamos em estreita colaboração com nossos clientes para acompanhar as mudanças e nos adaptarmos às transformações. Não apenas para atendermos às necessidades do mundo de hoje, mas para sermos capazes de oferecer o que será exigido de nós no futuro.

Nossa cofundadora e diretora de design, Juliana Proserpio, acredita que “o design está na iminência de expandir seus limites. As equipes de design são essenciais dentro das organizações e estão mais próximas dos negócios do que nunca. Como tudo que amadurece, o design está agora criando uma disciplina, e a consistência e o rigor são o tema principal dentro desse contexto.”

Esses aprendizados são importantes e temos o compromisso de compartilhá-los com nossa comunidade. Isso nos inspira a ir mais fundo não apenas no trabalho com o qual estamos comprometidos, mas em como nos apresentamos como marca quando compartilhamos nosso trabalho, nossos aprendizados e o que vemos como os próximos passos no futuro do design.

Nossa nova marca

Atualizamos a aparência da nossa marca. Também nos aprofundamos nas principais áreas de foco para impulsionarmos a indústria do design e criarmos futuros desejáveis para a sociedade. A alteração da nossa marca inclui novos logotipos, uma paleta de cores e um foco cada vez maior no impacto positivo que o design oferece em todo o mundo.

Na Echos, acreditamos que o poder transformador do design começa primeiramente com o indivíduo. A influência do design na sociedade inicia com o trabalho de cada pessoa que cria ondas de transformação, incitando mudanças positivas por meio de seu trabalho. As ondulações começam com suas próprias ações e fluem para seus relacionamentos, trabalho e organizações para concretizar mudanças sistêmicas.

Por isso, aprofundamos o foco em nossos pilares de marca. Ainda somos a Echos, criando ondas de transformação por meio do nosso trabalho com indivíduos e clientes. Estamos fazendo isso principalmente por meio da estrutura que oferecemos: o Laboratório de Futuros Desejáveis e a Escola.

Laboratório de Futuros Desejáveis

O Lab é onde colocamos em prática todas as nossas pesquisas e metodologias de Design Thinking, combinando design e negócios para ajudar a criar futuros desejáveis para organizações, pessoas e sociedade. Um exemplo desse trabalho é com a Google News Initiative nos últimos dois anos. Sendo assim, criamos o Design Accelerator para transformar as startups jornalísticas da Índia, do Brasil e da região Ásia-Pacífico (APAC) em fontes de notícias confiáveis e financeiramente viáveis, em um mundo onde as fake news e a desconfiança afetaram negativamente o cenário da mídia. Ao trabalharmos com essas startups, estamos construindo um novo futuro para criar fontes de notícias independentes e fortalecidas. Um futuro em que fatos, autenticidade e diversidade combatem os efeitos nocivos das notícias falsas.

O foco da Echos em Futuros Desejáveis é impulsionado pelo nosso desejo de desenhar nossos futuros. O Design de Futuros permite que nos engajemos estrategicamente e naveguemos por um caminho incerto. Em todo o mundo, estamos vendo uma volatilidade crescente. Ou seja, devemos abandonar visões fechadas e deterministas baseadas apenas no que podemos observar agora. Do mesmo modo, planejar e pensar o futuro como uma série de possibilidades nos abre para entender como diferentes futuros podem ser criados a partir do nosso presente e nos dá opções para seguir em frente.

Escola

Por meio de orientação e aprendizado, nosso segundo pilar da marca, a Escola de Design Thinking, desenvolverá uma geração de inovadores para co-criar um novo mundo. Todas as experiências de aprendizagem utilizam os princípios do Design Thinking. Desta forma, permitem que indivíduos e organizações dominem as ferramentas e mentalidades de inovação e as coloquem em prática. Além disso, criamos impacto por meio de nosso programa internacional de liderança em design, alcançando profissionais de design em todo o mundo. Sendo assim, ajudamos não apenas a amadurecer o campo do design, mas a redesenhar os limites do que é possível neste campo.

Além do Programa Design Leadership, oferecemos experiências de aprendizado mais curtas. Muitos indivíduos e equipes participaram de workshops que vão desde Fundamentos do Design Thinking até Futuros Desejáveis. Cada indivíduo e equipe que tocamos por meio de nossa escola se torna outra pessoa. Suas competências servem para transformar a sociedade por meio do “efeito cascata” de sua influência nos sistemas ao seu redor.

Independentemente do projeto, programa ou experiência de aprendizado, há três áreas de foco principais que enfatizamos: os designers são cada vez mais chamados para posições de liderança para resolver problemas complicados; devemos projetar conscientemente nosso futuro; e devemos combinar experiências físicas e digitais para nos adaptarmos às mudanças nas necessidades ambientais e dos consumidores.

Essas três áreas de foco – liderança em design, futuros desejáveis e phygital (a mistura de digital e físico) – são o foco central de todos os projetos em que nos envolvemos. Dos Design Accelerators da Iniciativa do Google Notícias ao alcance internacional do Programa Design Leadership, cada um de nossos projetos oferece aos designers e ao mundo o que precisamos para levar a sociedade a uma nova direção.

À medida que as ondas de nossa história se propagarem e que nosso trabalho evoluir, compartilharemos e documentaremos a transformação das comunidades em todo o mundo. Somos apaixonados pelo impacto positivo do design e pelo crescimento da nossa indústria.

Saiba mais sobre a Echos

Na Echos, estamos vendo o impacto inicial da influência do design em novas áreas. Por isso, há pequenas ondulações que levam à hiperespecialização no nível de complexidade e escala dos projetos. Vemos alguns passos iniciais levando à incorporação do design de maneira mais ampla na sociedade, como crianças em idade escolar aprendendo princípios de design. E, por que não, estamos influenciando o futuro das aplicações de inteligência artificial e blockchain. Isso também levará a grandes discussões sobre ética e design, que ainda estão atrasadas.

Você tem uma história de crescimento e impacto positivo com o design? Se sim, entre em contato conosco; queremos aprender e crescer com nossa comunidade e compartilhar suas histórias!

Megan Davis

Originalmente do Michigan, vive atualmente em Melborne, Megan se considera uma cidadã do mundo. Ela vem descobrindo histórias desde 2012, se especializando em estratégia de narrativas e storytelling para negócios que ousam criar novas realidades e futuros.
Ela viajou o mundo conduzindo oficinas em Nova York, Londres e Berlim, e mais recentemente em Lisboa na House of Beautiful Business em 2019 para ensinar pessoas como conectar com storytelling para entregar estratégias e resultados de negócio.
Colocando a empatia em primeiro lugar no negócios e na vida, ela ama compartilhar seu conhecimento ao falar, treinar e oferecer consultoria em projetos que estão mudando o mundo.

Fique Ligado

    Inscreva-se na newsletter da Echos para acompanhar as novidades da indústria, notícias de inovação e ofertas exclusivas.

    Forgot your password? Click here to reset.

    Presença Global

    © Copyright 2022 Echos. All rights reserved.