A EscolaIn CompanyDesiredMateriaisContato

Assim como acreditamos que o aprendizado acontece na prática, também acreditamos que o conhecimento acontece quando nos dedicamos a boas leituras. Dessa forma, se está buscando navegar no universo da inovação e do Design Thinking, não deixe de conferir a lista que preparamos sobre inovação. Vale lembrar que a lista não é exaustiva, mas um bom caminho se você ainda não sabe por onde começar.

1. Confiança Criativa – por David and Tom Kelley

post_5livrosinovacao_confiancacriativaEsta obra de David e Tom Kelley busca mostrar a criatividade como uma característica inata do ser humano. Todos nós somos criativos. Todos temos muitas ideias que merecem ser compartilhadas, o que vem de encontro a ideia de que somente os artistas ou cientistas são criativos.

Usando como elemento central a coragem, os irmãos Kelley ao longo da leitura mostram que não há tipos criativos: a criatividade está na vontade das pessoas de se arriscarem e exercitarem o pensamento inventivo. Para tanto, são apresentadas ferramentas e estratégias para que qualquer um possa desenvolver o potencial criativo, quer seja no trabalho quanto na vida pessoal, aprimorando a habilidade de resolver problemas.

Os autores David e Tom Kelley, além de serem irmãos, são considerados duas grandes referências quando se trata de inovação, design e criatividade. David Kelley é fundador da IDEO, consultoria mundial referência em inovação e design, e fundador da Stanford D.School. Tom Kelley, é sócio da IDEO e autor do best-seller a Arte da Inovação, obra que também aborda o empoderamento criativo.

2. Design Thinking – Uma metodologia poderosa para decretar o fim das velhas ideias – por Tim Brown

post_5livrosinovacao_timbrownNeste livro, Tim Brown, presidente da IDEO e um dos maiores consultores em inovação, mostra a evolução do design nos últimos séculos e como, do ponto estratégico e técnico, ele está presente em todos os níveis de uma organização. Isso porque, como demonstra Brown, o design – e o modelo mental subjacente a ele, o Design Thinking – hoje é utilizado para resolver problemas do mundo, problemas esses cada vez mais inter-relacionados e complexos.

Para tanto, ao longo da leitura, você conhecerá histórias de grandes casos em que o design thinking foi aplicado e adquirirá uma ótima visão sobre como essa abordagem pode ser poderosa em criar soluções não apenas inovadoras, mas que sejam relevantes para as pessoas.

Como Brown afirma: “este livro não é um livro de designers para designers. Este é um livro para líderes criativos que estejam buscando disseminar o design thinking em todos níveis organizacionais”. Assim, essa obra serve como ponto de partida para todos aqueles que estejam buscando repensar sua forma de pensar.

Observação: caso queira procurar pela versão em inglês, o título original é Change by Design.

3. DNA do Inovador: dominando as 5 habilidades dos inovadores de ruptura – por Jeff Dyer, Hal Gregersen e Clayton M. Christensen

post_5livrosinovacao_dnainovadorQuestões como “onde encontrar pessoas inovadoras?’ ou “como posso eu ser uma pessoa inovadora?”, permeiam o mundo corporativo. Afinal, a habilidade de inovar é a grande busca de toda e qualquer organização. Ao mesmo tempo, vemos algumas personalidades dos negócios que parecem dominar essa capacidade de ser inovador, a exemplo do foi Steve Jobs da Apple e do que é Jeff Bezos da Amazon.

Haveria, portanto, algum denominador comum que tornam essas pessoas não só executivos excepcionais como os grandes inovadores do início do século 21?

Depois de entrevistar fundadores e CEOs de diversas empresas – entre elas Apple, Amazon, Google e Skype – os autores identificaram o comportamento dos maiores inovadores do mundo e descobriram as cinco habilidades que diferenciam os inovadores dos profissionais comuns:

  1. Associar
  2. Questionar
  3. Observar
  4. Trabalhar em rede
  5. Experimentar

Em DNA do Inovador, os autores Jeff Dyer, Hall Gregersen e Clayton M. Christensen (eleito pelo Thinkers 50 o mais influente pensador vivo do management mundial) demonstraram como qualquer pessoa pode desenvolver essas cinco habilidades, necessárias para se tornar um inovador de ruptura.

O que vem de encontro a ideia de que ser inovador está relacionado a predisposição genética. Para os autores, trata-se de um esforço constante. Destacam que o slogan da Apple, “Pense Diferente” apesar de ser inspirador, somente conta parte da história. Depois de vasta pesquisa, descobriram que pessoas inovadoras precisam agir constantemente de forma inovadora para passar a pensar diferente. Como conclusão, ao compreender, reforçar e modelar o “dna” do inovador, empresas são capazes de encontrar formas de despertar, com sucesso, a chama criativa em seus colaboradores.

A obra também introduz um novo conceito, o do Prêmio de Inovação. Por meio desse conceito, os autores sugerem um novo ranking das empresas mais inovadoras do mundo e demonstram que só é possível aumentar esse prêmio com a criação de um código de inovação que oriente as pessoas, os processos e a filosofia da empresa. Por fim, o livro traz ainda um teste para calcular o seu DNA inovador.

4. Isto é Design Thinking para Serviços – por Marc Stickhorn e Jakob Schneider 

post_5livrosinovacao_istoedesignthinkingVivemos numa economia de serviços. Segundo dados do IBGE (2015), 61% do PIB do Brasil vem desse setor, assim como é responsável por 71% dos empregos disponíveis. Parando para pensar, quase tudo em volta é um serviço. Transporte, educação, bancos, saúde.

Porém, muitos serviços foram projetados pensando numa lógica industrial antiga, que não funciona mais nos dias atuais: a lógica do produzir e vender, da transação e gerenciamento de bens, das cadeias de distribuição, são exemplos disso. Buscando mudar da lógica de posse para uma de acesso, esta obra, considerada a bíblia do design de serviços, está dividida em 3 seções: fundamentos, ferramentas e casos. Você conhecerá na apenas as bases do design de serviços, com diversos casos em que foi aplicado, como também 25 ferramentas de design adaptáveis.

Além disso, os capítulos finais são reservados para trazer algumas reflexões sobre o futuro do design de serviços. Leitura obrigatória para todos aqueles que estejam buscando aprender e repensar a forma como presta serviços a partir de uma abordagem inovadora e humanizada.

5. Inovação e Espirito Empreendedor: Prática e Princípios – por Peter Drucker

post_5livrosinovacao_inovacaoespiritoempreendedorPeter Drucker, considerado um dos maiores pensadores atuais relacionado ao universo dos negócios, nesta obra traz excelentes (e filosóficos) insights sobre o que significa ser empreendedor e inovar tanto em pequenas quanto grandes organizações – maior enfoque para as últimas. Drucker mescla uma profunda bagagem histórica sobre empreendedorismo e inovação com as práticas que levam empreendimentos a serem bem sucedidos, bem como o papel da ciência da administração.

Sempre ilustrando com estudo de casos, além de oferecer dicas e truques, ao final da leitura, você terá o panorama necessário para começar um negócio de forma inovadora. Da mesma forma, o que é necessário para encontrar, desenvolver, lançar e fazer decolar ideias relacionadas a novos produtos e serviços.

admin_sdt

É empreendedora e educadora. Ela é cofundadora da ECHOS e suas unidades de negócios: Design Echos e Escola Design Thinking.

Ao longo dos últimos anos, Juliana tem trabalhado para desenvolver um ecossistema de inovação no Brasil. Atua como líder em projetos de inovação nas áreas de saúde, construção, internet das coisas e outros. Como educadora, dissemina o conceito de inovação para o bem.

Em 2014 palestrou no Global Innovation Summit, em San José, Califórnia e, em 2015 foi jurada do primeiro prêmio William Drentel de design para impacto social e foi convidada a palestrar no TEDx Mauá.

Fique Ligado

Inscreva-se na newsletter da Echos para ficar acompanhar as novidades da indústria, notícias de inovação e ofertas exclusivas.

Forgot your password? Click here to reset.

Presença Global

© Copyright 2019 Echos. All rights reserved.