Como unir o design de comunicação e a inovação na sua empresa

A comunicação é o instrumento que conecta e cria relações entre pessoas, com as empresas e todos os atores presentes na sociedade. Quando unida à área do design, que tem como objetivo criar e aprimorar experiências, nasce o design de comunicação – uma abordagem que ajuda as marcas a transformar a forma como transmitem suas mensagens.

Pensar o design de comunicação é juntar duas áreas importantes na busca de soluções para as pessoas. Tanto design quanto comunicação propõem uma forma de transmitir mensagens e conteúdos atraentes e que consigam instigar ao mesmo tempo que entrega valor a quem os consome. Veja como funciona a união dos dois conhecimentos e como, juntos, eles conseguem agir para um objetivo comum: a inovação.

O cenário atual da comunicação

A comunicação é uma área de conhecimento tradicional, mas que passa por transformações significativas de tempos em tempos. Os meios de comunicação tradicionais, como conhecemos, são modernizados e muitas vezes substituídos. As mídia consumidas e utilizadas se renovam e quem conta com estratégias de comunicação para negócios precisa se adaptar sempre às tendências.

Hoje, a internet já é realidade para mais de 100 milhões de brasileiros. Destes, 91% utilizam a rede pelo celular. Pesquisas que mapeiam a forma como consumimos conteúdo já apontem que quase metade da população assina um canal no YouTube. Ao mesmo tempo, a Tv ainda é o meio preferido de consumir produtos de comunicação por mais de metade dos brasileiros.

O que tudo isso significa?

Basicamente, os dados indicam que a comunicação e a forma como consumimos mídia é complexa, precisa ser estudada e pensada para possibilitar a criação de produtos que realmente impactem positivamente o público. Principalmente para empresas que precisam ficar por dentro das mudanças na comunicação para pensar estratégias de marketing, o desafio de fazê-lo bem feito é grande.

O que é design de comunicação

design de comunicaçãoO termo design de comunicação une duas áreas de estudo muito mais afins do que podem parecer. Em primeiro lugar, vale lembrar a concepção de que design está intimamente ligado ao visual. É verdade, sim, que as soluções de design possuem apelo visual forte e trabalham para melhorar a estética de produtos, serviços e demais ideias. Mas o design vai muito além da estética.

Design, na verdade, tem muito mais a ver com o verbo, do inglês, que podemos traduzir como projetar. Seja por meio de imagens, tipografias, desenhos de produtos ou qualquer outra produção, o design entrega uma nova proposta. O design, na prática, existe para criar projetos, sempre pensados em quem eles serão destinados. E é justamente aí que a comunicação e design vão se aliar.

A comunicação é um processo que liga dois ou mais atores em torno de uma mensagem. No ato de se comunicar, um emissor cria e divulga, espalha ou transmite um conteúdo que será absorvido por um ou uma série de receptores. Esse conteúdo passa por mídias diversas, encontra bloqueios pelo caminho e é entendido de uma forma única por cada um a quem ele chega.

Organização do ato de se comunicar

Sabendo disso, então, vamos pensar em como o design de comunicação existe juntando essas duas características. Pensando em projetar e transmitir mensagens facilmente absorvidas, o design de comunicação é um jeito de organizar o ato de se comunicar a fim de inspirar, cativar, atrair e motivar as pessoas que o consomem.

Juntando a projeção de soluções à ideia de promover conteúdos, design de comunicação é pensar em soluções efetivas que engajem seu público-alvo. Na prática, então, o design de comunicação é utilizado para criar mensagens, conteúdos transmitir ideias de forma que realmente ajude no objetivo e cada projeto. E a partir dele podemos alcançar o sonho da inovação.

Design, comunicação e inovação: o que tem a ver?

Antes de entrarmos na relação entre design, a comunicação e a inovação, vamos relembrar o que de fato é inovação.

Inovar significa transformar a realidade do seu público. A inovação acontece promovendo mudanças significativas na forma de pensar, agir ou produzir algo para alguém. Quando o valor é percebido pelas pessoas a quem a inovação é destinada, ela é bem sucedida. Resumindo, podemos chamar de inovação qualquer mudança que promove impacto positivo para pessoas, empresas ou a sociedade.

Por meio do design, podemos pensar em soluções inovadoras pelo próprio objetivo dessas áreas do conhecimento. O design existe para propor melhorias na experiência das pessoas. A comunicação funciona como um caminho para estabelecer entendimento e promover o diálogo. Utilizando o design junto a uma comunicação efetiva, esse valor do qual depende a inovação tão cobiçado fica mais fácil de ser atingido.

Como o design de comunicação vai te ajudar na inovação

A aplicação de design de comunicação pode ser trabalhada de várias formas dentro das organizações. Para oferecer valor de verdade para seus consumidores, as empresas precisam entender, antes de mais nada, que tipo de soluções seu público espera.

Um bom exemplo de aplicação do design de comunicação está dentro da abordagem do design thinking. O design thinking funciona como um modelo mental para a resolução de problemas complexos. Dentro das empresas, o design thinking é utilizado no processo de criação de novas soluções e produtos, além de ajudar a otimizar processos que precisam mudar para buscar a inovação. Durante toda a abordagem, a comunicação precisa ser forte para resultar em soluções eficazes de verdade.

Em cada etapa do design thinking, que surge no entendimento de um problema e termina na prototipagem de soluções, estabelecer um diálogo, trocar ideias e se colocar no lugar das pessoas entendendo seus pontos de vista é essencial. Nos objetivos e consequentemente no resultado do processo de design thinking, a comunicação também vai ter um papel crucial.

PepsiCo

Um bom exemplo do design de comunicação aliado ao design thinking é o da PepsiCo. A gigante internacional, que está por trás de marcas como Pepsi e Doritos, usa dos fundamentos do design e, mais especificamente, do design thinking, para desenvolver comunicações voltadas para o público e criar novos produtos.

O design na PepsiCo desempenha basicamente dois papéis: o de desenvolver experiências significativas e consistentes em todo contato do cliente com as marcas; e claro, o de inovar. Na prática, a empresa usa do design para identificar novas oportunidades para suas plataformas de produtos e marcas em uma “sociedade do futuro”, cada vez mais influenciada pelas mídias sociais e mensagens digitais.

Um produto resultante desse pensamento foi a Pepsi Spire, uma fonte de bebidas digital que coloca os consumidores no controle e permite que eles personalizem sua bebida com até 500 combinações. Uma equipe diversificada de designers e profissionais de marketing e comunicação desenvolveu uma tela digital que oferece uma interface interativa aos consumidores, promovendo uma interação mais profunda com as marcas da PepsiCo. Falando na época do lançamento no ano passado, Brad Jakeman, presidente do grupo global de bebidas da PepsiCo, disse que a empresa queria tornar a Spire “o mais intuitiva possível e encontrar o equilíbrio perfeito entre engajamento do consumidor e eficiência”.

Quer continuar por dentro das novidades e aprender tudo que está acontecendo de inovação no mercado? Então siga a Escola Design Thinking no Facebook, no Twitter e no nosso perfil do Instagram.

ECHOS

A Escola Design Thinking foi criada para aqueles que desejam estar na fronteira da inovação.

Criada em 2012 pela Echos – Laboratório de Inovação, a Escola Design Thinking é uma escola de inovação na prática que tem como propósito formar a nova geração de inovadores.

Esqueceu a senha? Clique aqui para resetar.