Realizar um evento que impulsionasse a rede brasileira de designers e inovadores a se conectar, a refletir e a praticar com maior profundidade como o pensamento do Design – Design Thinking – pode alavancar a criação de futuros desejáveis nas organizações e na sociedade, propagando a importância do design no mundo em que vivemos. Esse foi o desafio que todo o time da Echos e parceiros se colocou por 3 semanas.

Isso porque fica cada vez mais evidente, tanto pela nossa participação nos principais fóruns de inovação no mundo quanto pelo mapeamento constante que temos feito nas redes brasileiras de inovação, a importância do Design e a sua adoção por pessoas, empresas, governos e organizações como um modelo mental capaz de resolver problemas complexos e gerar inovação.

Estamos em um momento de elevar o patamar da reflexão e aplicação do Design Thinking no Brasil e também nutrir e aproximar a comunidade de design thinkers, mostrando que o País é uma grande fonte e força em inovação.

Assim, com esse objetivo aconteceu no último dia 9, a DT Conference, a primeira conferência em Design Thinking no Brasil na sede da Echos em São Paulo e com transmissão ao vivo para todo o mundo. Dividida, ao longo do dia, em 3 grandes blocos a DT Conference buscou apresentar aos participantes e ouvintes na parte da manhã cápsulas sobre as possibilidades e o alcance do design e como ele é elemento fundamental quando queremos projetar novos produtos, serviços, interações, negócios, sistemas e até mesmo o futuro.

Para iniciar o painel da manhã, tivemos a presença de Juliana Proserpio, co-fundadora da Echos, que trouxe como primeira provocação qual o papel do design na construção de futuros desejáveis, e do porquê, como Juliana pontua, não somos homo sapiens, somos homo abilis, explicando como há milênios temos designed nossa própria evolução. Na sequência, Mariana Gutheil, sócia-fundadora da NoOne, uma consultoria de design estratégico, falou sobre o seu processo de se enxergar como designer – e como a partir da visão do design tem criado inovações a partir de produtos, serviços, processos e novos negócios.

Também tivemos a presença de Clarissa Biolchini, designer organizacional, que relatou sobre como a visão do design está se disseminando em grandes organizações e mudando culturas de empresas globais. William Spiga, gerente de experiência do cliente na Dotz trouxe uma visão bastante interessante sobre como a Dotz tem, a partir do olhar do design, acessado necessidades e comportamentos dos seus clientes e tornado as essas informações em base de dados para tomada de decisões de negócio mais centradas nas pessoas.

Como último palestrante da manhã, subiu ao palco Ricardo Ruffo, co-fundador da Echos, para abordar um tema inusitado: como o Design nos ensina a sermos melhores empreendedores e como ser empreendedor nos últimos anos tem o ajudado a se tornar um melhor designer de negócios.

Ao final da manhã, os palestrantes se reuniram formando uma mesa redonda para debater o futuro do design thinking no Brasil.

Na parte da tarde, para explorar com maior profundidade como o design é utilizado como catalisador de transformações foram abertas 3 sessões com temas distintos: Design Thinking na Educação; Design Thinking aplicado a Serviços Digitais; e IRIS, projeto criado pela Echos para desenhar o futuro da liberdade feminina no Brasil.

Com temas tão diferentes, o objetivo da primeira conferência em design thinking no Brasil era mostrar como o design está presente na resolução de problemas tão distintos e complexos, abordando questões de gênero e liberdade feminina até sobre como recriar a experiência proporcionada por um serviço.

Para fechar o evento na parte da noite com chave de ouro, tivemos um momento único, em que grandes nomes da inovação no Brasil compartilharam suas histórias de carreira e vida e contaram como o design tem contribuído para transformar realidades em suas atuações como líderes em grandes empresas brasileiras.

Sabe o que é melhor? Todo o conteúdo do evento está disponível online. É possível assistir a toda a conferência pela primeira vez ou novamente sem sair de casa. Deixamos disponíveis gratuitamente em nossos canais as gravações feitas durante o evento. Você encontra as gravações divididas na parte da manhã, da tarde e da noite.

Teve a oportunidade de participar ao vivo conosco? Não esqueça de participar da nossa pesquisa online aqui. Nos acompanhou online ou Não deixe de nos enviar suas impressões, reflexões e sugestões pelo nosso e-mail contato@echos.cc ou na nossa página no Facebook.

Paulo Tiroli

Paulo é advogado, marketeiro e inquieto. Passou a notar que perdemos muito tempo tentando nos encaixar nos moldes dos outros e, por acreditar que todos possam encontrar a própria trilha, espera ajudar as pessoas nesse sentido. Participa de movimentos sobre empreendedorismo de impacto e crê na força dos negócios como ferramenta transformadora da realidade. Atualmente, faz parte do time da Echos – Laboratório de Inovação e sonha em ser facilitador de processos.

Esqueceu a senha? Clique aqui para resetar.